18.10.07

Fermata Rio de Janeiro




Pela primeira vez eu voltei para casa de ônibus...
Normalmente vou e volto do trabalho de metrô. É bem rápido e não tem o trânsito insuportável de Milão!
Mas eu odeio o metrô daqui. É sujo, cheio e faz um calor infernal. Na rua é frio, eu com meus mil casacos, daí entro no metrô e é um bafo insuportável...tira casaco, bolsa num ombro, casaco pendurado no outro braço, eu tentando segurar para não cair, um rolo só. É, eu sei, eu sou muito atrapalhada!

Eis que descubro que um ônibus que para aqui pertinho de casa passa lá pertinho da Universidade...

Eu vi que nem é tão mais demorado assim...e quando eu saio da Universidade ainda tem sol. Então eu posso ver o movimento da cidade, descobrir coisas novas pelo caminho (supermercado internacional, por exemplo!) e não tem aquele empurra-empurra do metrô. E como eu pego o ônibus quase no ponto final, sempre tem um lugarzinho para eu sentar e ouvir meu MP3 na paz do Senhor!

Pois bem...peguei o ônibus. Na Fermata (que é ponto de ônibus- ou de metrô- ou de trem) Romagna Pascoli, perto da Universidade. No ônibus tem um aviso luminoso e uma voz "eletrônica" que avisa o nome da próxima fermata...

E a próxima fermata era: RIO DE JANEIRO!

Eu juro pra vocês que eu quase desci do ônibus!

Agora toda vez que eu passo pela Fermata Rio de Janeiro eu tenho vontade de descer, dar um rolé, e pegar o ônibus de novo...

Beijinhos procês!

11 comments:

Mauro Chazanas said...

Alline, guenta firme. Semana que vem começa meu passeio de sete dias pelo teu Rio.
Um dos lugares que Carla vai me levar conhecer é a Câmara Municipal, pedi pra ela, acho lindo aquele prédio mas nunca entrei.
No que vou aproveitar para, se der, propor pros vereadores a criação da Estação Milão De Las Fermatas (deve ficar tão gostoso ouvir isso em carioquês) do metrô carioca.
Daí fica tudo igual.
Teu bairro é qual, no Rio? É lá que vai ser.
Bacci.

tati tatuada said...

Dá uma paradinha Alline, dez minutos não farão diferença, mas conhecer a região poderá lhe trazer surpresas agradávels, já pensou?
Beijo.

Andréa N. said...

Que graca essa fermata! E quanto ao friozao fora e calorao dentro- vc acaba se acostumando. Eu adoro o inverno, mas essa parte de tira e poe eh chata mesmo.

Mani said...

Ah, que bom...Eu lembro de ter andado de ônibus em Roma e adorado! beijos....

Flávia said...

All, desce para ver o que tem nesse Rio aí! Fiquei curiosíssima! Mas não vai querendo ir para a praia, né! Se controla.
Beijos

Claudia Lyra said...

O dia que você descer, você conta pra gente? ai, ai...

Ana Paula said...

Como assim, bial?
A troco de quê?
Agora vc vai ter que descobrir esse negócio direito e contar pra gente, oras.
bjs

Jannine L'Amour said...

Eita que massa essa fermata!!!! Baci cara mia!

Paulo Nunes Jr said...

Eu arrumei uma solucao que pra mim funcionou bem pro tira-e-poe casaco.

Uso uma blusa mais leve por baixo e um casaco bem pesado por cima(estilo roupa de montanha)... mas so isso!!! Nao boto sciarpa, camiseta por baixa, depois camisa, depois maglione...ai nao e' nem um pouco pratico.
Se sinto calor so tirar o casaco e pronto...mais facil.
Mas eu ainda tou usando so a jaqueta jeans... ou moleton, porque nao ta ainda tao frio ne?

Beijos.

Flavia said...

e vc não desceu?! se tivesse um fermata dessa aqui em SP eu pulava imediatamente!!! tá doida? desce e conta pra gente como é.
Bj,
Flavildes

Carla San said...

Linoca, desce logo desce palco e passa lá no Rio pra ver o que tem de bom por lá!...rs...
E lógico, conta tudo pra gente bem rápido, que eu tô me roendo de curiosidade.
Bjs